Ninguém gosta de um computador lento ou que não roda os programas com rapidez. Ver o símbolo de “carregando” deixa qualquer um sem paciência. Mas você já parou para pensar por que o seu computador ou notebook está lento? Uma série de motivos podem causar lentidão na máquina. E, se o usuário não prestar atenção nos sinais que o hardware está dando, pode ser tarde demais para resolver o problema. Por isso, hoje nós vamos falar sobre como deixar o seu computador mais rápido.

Existem algumas maneiras e truques para deixar um computador mais rápido. Algumas são mais simples, outras podem precisar da ajuda de um técnico. Tudo vai depender da complexidade do problema da máquina. Por esse motivo é tão importante estar atento à “saúde” do seu PC. Caso contrário, você vai precisar trocar de equipamento várias vezes em poucos anos. Em síntese, separamos seis maneiras de deixar o seu computador mais rápido. Continue lendo e confira!

1 – Instale um antivírus

Vamos começar com as soluções mais rápidas e simples, que você pode fazer em casa em poucos passos. Um antivírus vai ajudar, e muito, a deixar o computador mais rápido. Isso porque o software vai fazer uma limpeza geral em todos os arquivos que podem ser maléficos para a sua  máquina. São vírus que não percebemos que estão presentes no computador, mas que trabalham silenciosamente para prejudicá-lo. Essa verificação como antivírus deve ser feita periodicamente. Cada software tem um jeito diferente de limpar o PC.

E existem diversos tipos de antivírus no mercado. Desde os mais caros, com mais funcionalidades e eficácia, até os mais simples e baratos, que ainda fazem um bom trabalho. É possível também encontrar antivírus gratuitos, mas, se você realmente quer deixar o computador mais rápido, a nossa recomendação é investir em um produto pago.

2 – Apague arquivos e programas desnecessários

         Essa solução também é simples, pode ser feita por qualquer um e não demora muito (a não ser que o seu computador esteja em uma situação muito crítica de lentidão, nesse caso será preciso um pouco de paciência). E o melhor: não vai custar nada! Estamos falando de fazer uma limpeza nos seus arquivos e programas. Com o tempo, é normal acumular fotos, vídeos, documentos e programas que ocupam espaço e podem impactar diretamente no desempenho da sua máquina.

Por isso, é recomendável fazer essa limpeza periodicamente, deixando apenas o que é essencial para o uso do seu computador. Também pode ser interessante utilizar o armazenamento em nuvem. Essa solução libera espaço no seu drive e já disponibiliza um backup para seus arquivos, prevenindo perdas caso ocorra algum problema com o seu hardware.

 3 – Use o desfragmentador de disco

         Esta opção pode demorar um pouco mais, mas é extremamente eficaz. A desfragmentação de disco é uma solução do próprio Windows e consiste em rearranjar os arquivos de uma forma que o sistema não demore tanto para encontrá-los. Nada vai mudar do ponto de vista “visual”: todos os seus arquivos vão continuar no mesmo lugar. Mas o computador vai rodar de uma forma mais leve depois desse procedimento.

         Embora seja possível fazer a desfragmentação de disco em casa, sem grandes complicações, o mais recomendado é pesquisar sobre o procedimento antes de dar início. Isso porque algum passo errado pode ser crucial para o bom desempenho da máquina. Por isso, procure tutoriais e siga-os à risca antes de iniciar a desfragmentação.

 4 – Atualize o sistema

         Independente do sistema operacional que você utiliza (Windows, MacOS, Linux, etc.), ele precisa ser atualizado periodicamente, certo? Para resolver problemas, ativar novas funcionalidades. É extremamente importante não ignorar essas atualizações e deixar a máquina sempre nos conformes. Caso contrário, o sistema vai se tornar cada vez mais obsoleto e pode apresentar mais complicações ao longo do tempo.

         É possível conferir se existem atualizações disponíveis consultando as configurações do seu computador. Esse processo pode ser um pouco mais demorado do que os outros dependendo do tamanho da atualização. Contudo, é algo necessário para o bom funcionamento do PC. Com um sistema atualizado, diversos bugs e erros do sistema que causam lentidão podem ser resolvidos. Por isso, nós recomendamos que você sempre esteja atento para as atualizações do seu sistema operacional. 

 5 – Evite usar muitos programas ao mesmo tempo

Não importa o quão potente é o processador ou a placa de vídeo do seu computador: é preciso ter cautela e consciência na hora de usar mais de um programa ao mesmo tempo. Quem trabalha com design, por exemplo, sabe do que estamos falando. No processo de criação de uma peça publicitária o designer pode estar com três ou quatro programas abertos ao mesmo tempo para cumprir todas as funções necessárias. Embora alguns computadores consigam rodar em uma boa velocidade, tudo tem limite! Por isso, caso precise utilizar programas e plataformas que consomem a memória do seu computador, procure fechar e encerrar programas que não estão sendo utilizados.

6 – Formate a máquina

Por último, mas não menos importante, vamos falar sobre uma solução que é mais indicada em casos extremos, quando o computador realmente não tem mais jeito. Estamos falando da formatação. Essa deve ser feita por um profissional da área, porque, se feita da maneira errada, pode apagar arquivos importantes e não alcançar o resultado desejado. 

A formatação basicamente apaga todos os arquivos do computador (mas é possível fazer um backup com o que você não quer que seja excluído, como arquivos, fotos, vídeos, documentos, etc.), reinstala o sistema operacional e começa o ciclo do zero. Isso faz com que todos os hardwares que operam na sua máquina estejam livres e “limpos” de arquivos desnecessários que vão se acumulando normalmente com o uso do computador. 

E então, conseguiu descobrir qual a melhor forma de deixar o seu computador mais rápido? Esperamos ter ajudado. Caso o seu computador esteja em uma situação ainda mais crítica, recomendamos que você leve-o para uma assistência técnica (de preferência autorizada pela marca) e deixe-o nas mãos de um profissional.

No mais, continue acompanhando o nosso blog para receber mais conteúdos! Até a próxima.


0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×