Você já passou por alguma situação em que precisava assistir um vídeo importante ou baixar algum arquivo, mas sua internet simplesmente travou? Ou ainda esperou vários minutos para carregar uma página, quando a operação deveria durar apenas poucos segundos?

Esses são sinais de internet lenta.

Se você está sofrendo com esse problema, é importante analisar o que pode estar causando essa lentidão e conseguir navegar na internet sem problemas.

Pessoas são como regra leigas e a maioria de nós não sabe que diversos fatores influenciam diretamente na “velocidade” de sua internet, indo além da quantidade de “megas” adquiridos.

Principais causas da internet lenta

Listamos abaixo quais são os sete fatores principais que podem diminuir a velocidade da sua internet para que você possa identificar o problema com a conexão e garantir uma internet de maior qualidade na sua residência. Confira a seguir.

1. Muitas pessoas utilizando a mesma banda de internet ou o mesmo roteador

Quanto mais pessoas estiverem simultaneamente a internet, maior será a divisão da banda disponível e, consequentemente, menor será a velocidade para cada uma. 

Piora a situação se vários dispositivos estiverem conectados em um mesmo sinal de wi-fi, principalmente usando Netflix, Youtube, Globo Play, realizando upload ou download de grandes arquivos, ou mesmo fazendo videoconferência.

Nesse caso, o mais interessante é conectar os dispositivos diretamente ao modem (via cabo) e deixar o wi-fi para casos em que é necessária a locomoção entre os diferentes cômodos, com dispositivos móveis, por exemplo.

2. Má posição do roteador ou poucos roteadores

Se você sofre com a internet lenta, a primeira coisa que deve verificar é a posição do seu roteador wi-fi. Os dispositivos conectados à internet que estejam longe do roteador costumam perder eficiência na conexão e, certamente, essa é a principal causa da lentidão.

Afinal, o sinal do Wi-Fi é emitido através de uma onda de rádio e, quanto mais distante estiver o emissor (roteador) do receptor (dispositivos conectados a ele), menor será a velocidade da conexão.

Portanto, busque colocar seu roteador em um cômodo estratégico e centralizado ou instale outros roteadores em pontos com baixa cobertura do sinal. Porém, consulte sua operadora para que ela faça as melhores indicações técnicas.

3. Roteador próximo a objetos que interferem no sinal de Wi-Fi

Como dito anteriormente, o sinal de wi-fi funciona por ondas de rádio. Barreiras físicas interferem e enfraquecem esse sinal e degradam a velocidade da internet recebida. Além disso, certos tipos de objetos podem interferir na frequência que o equipamento está operando. Confira abaixo quais são eles:

Rede de água

A água consegue absorver as ondas de rádio emitidas pelo roteador. Isso interfere diretamente na qualidade e velocidade da sua internet. Portanto, evite colocar o seu aparelho próximo aos encanamentos ou a locais úmidos, como por exemplo as paredes do banheiro.

Janelas, vidros e espelhos

Assim como as paredes, as janelas e outros objetos de vidros, inclusive aquários, também interferem e limitam a propagação do sinal emitido pelo roteador. Espelhos e materiais reflexivos são os elementos que mais diminuem a performance do Wi-Fi. Avalie, assim, locais com poucos obstáculos para instalar seu roteador.

Micro-ondas e dispositivos sem fio

Aparelhos que operam na mesma frequência do wi-fi (2,4 GHz, por exemplo), afetam a velocidade da internet.

E mais: se sua residência possui dispositivos sem fio, como telefone sem fio, babá-eletrônica, brinquedos de controle remoto, câmeras de segurança, alto-falantes, etc., provavelmente ocorrerá alguma interferência desses aparelhos em seu sinal de wi-fi. 

Uma dica é utilizar o sinal do seu wi-fi na frequência de 5 GHz. Apesar de ficar disponível a uma distância menor do roteador, quando comparada com a frequência de 2,4 GHz, essa faixa de conexão costuma fornecer uma conexão mais veloz e com menos chances de interferências.

3. Roteador de baixa qualidade

Existem diversos tipos de roteadores disponíveis no mercado. As opções mais simples são mais baratas, mas, consequentemente, tendem a oferecer uma menor qualidade de sinal de internet. É válido refletir se não é essa a causa da internet lenta na sua residência. 

Você pode fazer um teste para verificar a velocidade da sua internet. Estando lenta, entre em contato com sua operadora e peça indicação do equipamento ideal para seu caso.

4. Fiação antiga e remendada

A fiação dos cabos é outro fator que influencia diretamente na qualidade do sinal de internet entregue aos usuários. Fiação antiga, mal construída ou remendada é causa de instabilidade do sinal da internet em sua residência.

Para evitar que isso aconteça, busque referências sobre a empresa responsável pela instalação da internet. Bons fornecedores dificilmente instalarão inadequadamente o cabeamento.

5. Dispositivo com vírus ou malware

Se o seu dispositivo estiver com vírus ou malware instalados certamente existirá queda na qualidade de navegação, causando, dentre outros fatores, lentidão na conexão. Além disso, há a chance de que a segurança das suas informações pessoais esteja comprometida.

Portanto, mantenha atualizado antivírus confiável nos dispositivos e realize varreduras periódicas para certificar-se de que estão seguros para uso. Caso contrário, entre em contato com um técnico capacitado para a resolução do problema e acompanhamento da sua rede ou com sua operadora.

6. Dispositivos obsoletos ou com baixa capacidade de processamento

A configuração do smartphone, notebook ou desktop pode estar obsoleta ou com baixa capacidade de processamento. Observe se não é esse seu caso.

Na tecnologia a evolução é muito rápida. Em pouquíssimo tempo equipamentos podem não mais atender aos novos padrões e às normas de wi-fi.

Sendo esse o problema, a única saída é atualizar seu dispositivo ou substituí-lo por uma versão mais recente! 

7. Instabilidade no provedor

Por fim, um último fator que pode ocasionar internet lenta é a instabilidade no provedor. E a conexão pode ficar instável por uma série de fatores: modificações na rede, acidentes, condições climáticas ou sobrecarga.

Em resumo: Caso você perceba queda ou instabilidade de seu sinal internet, entre em contato com sua operadora. A provedora tem o dever de entender o motivo e indicar a solução.

Sua provedora não faz isso? Então venha para a Ultra Telecom!

Esperamos que essas informações tenham ajudado a identificar a causas de sua internet estar lenta. Caso você tenha ficado com alguma dúvida referente a este assunto não deixe de nos contatar para que possamos esclarecê-la.

Se estiver em busca de uma empresa para instalação de internet na sua casa ou empresa acesse o site da Ultra Telecom para conhecer os nossos serviços. Estamos à disposição.

Continue acompanhando o nosso blog para mais dicas e informações sobre tecnologia.

Nos vemos por aqui.

Equipe Ultra Telecom

Categorias: Uncategorized

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×